fbpx

Tem uma ideia para melhorar o ambiente? Saiba que lhe pode valer um prémio

Improve Ambiente, Startups, Sustentabilidade 2019-05-08

É em nome do ambiente – e pelo ambiente – que se realiza o ClimateLaunchpad, a maior competição de cleantech do mundo, com um prémio de 17 mil euros para os finalistas.

Desde 2014 que é assim, com mais de 2.500 projetos apresentados desde então, com 111 startups a receberem um investimento externo que foi além dos 15 milhões de euros.

Em Portugal apresentada pela UPTEC – Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto e pela LIPOR – Serviço Intermunicipalizado de gestão de resíduos do Grande Porto, tem um objetivo: apoiar ideias que reduzam o impacto negativo no ambiente.

O que significa que todas as ideias são bem-vindas, sejam estas na área das energias renováveis, eficiência energética, agricultura, água, transportes, tecnologia industrial, entre outras.

As melhores, ou seja, os projetos selecionados vão receber apoio na gestão e validação da ideia de negócio, preparação para pitch e acesso à rede internacional de contactos do ClimateLaunchpad.

Mas há mais. Do pacote de prémios faz ainda parte a oportunidade de frequentar um bootcamp de dois dias com um formador certificado, sessões de mentoria e a apresentação do negócio a um painel de especialistas nacionais e internacionais.

Em 2019, o vencedor vai receber 10 mil euros, com o segundo e terceiro classificados a receberem, respetivamente, um prémio de 5000 e 2500 euros.

Os interessados podem apresentar as suas candidaturas até ao dia 26 de maio, em www.climatelaunchpad.org/application-form.