fbpx

Tem uma ideia? O FabLab ajuda a torná-la realidade

Msousa Empresas, Startups 2018-06-06

O FabLab

Podem ser mais novos ou mais velhos; podem ser empresas ou instituições sem fins lucrativos, profissionais ou apenas curiosos.

O que é preciso é que sejam residentes no concelho de Sintra e, claro, que tenham uma ideia. É ajudar a dar-lhe corpo que pretende a autarquia local, que para isso decidiu criar o FabLab Sintra, “um laboratório de fabricação digital e de prototipagem” que visa apoiar “a criatividade e o desenvolvimento de novos projetos colaborativos através do acesso a equipamentos e conhecimento”. Aqui, procura-se o empreendedorismo e oferecem-se ferramentas para o tornar realidade.

O conceito não é novo, mas começa agora a surgir com mais frequência em Portugal. Criado por Neil Gershenfeld, professor e diretor do Center for Bits and Atoms do Massachussets Institute of Technology (MIT) é, no fundo, um espaço de experimentação, de liberdade para criar e inovar, , numa tentativa de “democratizar o acesso a invenções pessoais e colaborativas, através de tecnologias digitais que permitem criar quase tudo”. O que é preciso é criatividade e vontade.

É, de resto, para gerar “novas ideias, novas respostas sociais e melhorar a utilização de recursos” que a Câmara Municipal de Sintra a decidir criar este novo equipamento, que dispõe de impressora 3D, cortadora de vinil, software de edição e criação, maquina de costura, máquina de corte e gravação a laser e mais, muito mais.

Tudo porque, justifica, “a inovação social, a valorização dos conhecimentos e aptidões das populações, bem como o empreendedorismo, são formas de contribuir ativamente para o combate ao desemprego e à exclusão social criando, simultaneamente, valor e autoestima das pessoas e das comunidades”.