fbpx

saúde

Tecnologias que monitorizam os riscos das equipas de emergência

Improve Telecomunicações e Tecnologia 2019-06-27

Bombeiros, polícias ou paramédicos são profissionais expostos a situações extremas. É para monitorizar estas situações, tornando mais fácil e seguro o seu trabalho, que nasceram os sensores vestíveis, uma plataforma baseada na internet das coisas (IoT) para monitorização da exposição a níveis perigosos de diferentes agentes e de picos de stress fisiológico e um motor de análise de dados biomédicos e ambientais capaz de detetar diferentes estados perigosos. 

Read More

Estudantes criam bebida que combate desperdício e beneficia a saúde

Renato Povoas - Managing Partner Startups 2017-09-15

As universidades são o palco de muitas ideias. E se algumas não passam disso mesmo, outras arriscam-se a ganhar prémios e conquistar a atenção mediática. Foi o que aconteceu com o projeto liderado por Daniela Costa e Rita Martins, alunas da Faculdade de Farmácia da Universidade de Coimbra, que decidiram criar duas bebidas. E o que é que as Toal têm que as torna merecedoras de um prémio? São capazes de juntar o útil ao agradável, ou seja, combatem o desperdício alimentar e, ao mesmo tempo,  têm benefícios para a saúde.

Read More

A APP do Serviço Nacional de Saúde

Renato Povoas - Managing Partner Telecomunicações e Tecnologia 2016-10-04

A aplicação MySNS chegou para fornecer aos utentes várias informações sobre o SNS. Segundo o Sapo Tek “notícias relacionadas com a área de saúde, informação médica e uma lista e mapa de instituições de saúde, como Hospitais, Farmácias e Cuidados de Saúde Primários, fazem parte da informação que pode ser encontrada na aplicação oficial do Serviço Nacional de Saúde. Há ainda outros serviços, como a área do Cidadão, mas neste caso a autenticação é feita através de uma ligação ao portal web.”

 

Fonte: Sapo Tek

 

Startups portuguesas finalistas em Silicon Valley

Renato Povoas - Managing Partner Startups 2016-05-20

Magikbee e Performetric, estão entre os finalistas da World Cup Tech Challenge, competição mundial que decorre a 1 de junho em Silicon Valley. As startups portuguesas estão presentes no evento com projetos que foram considerados pela organização sem fins lucrativos, Silicon Valley Forum, pertencentes à próxima geração de empresas tecnológicas emergentes.

As duas startups, integradas na Startup Braga, além dos seus projetos estarem na competição vão contar com investidores de capital de risco da cidade, administradores de várias empresas e órgãos de comunicação social.

Magikbee, desenvolveu uma tecnologia interativa que combina brinquedos tradicionais com as novas tecnologias, brinquedos de madeira que interagem com o iPad sem precisar de contacto físico.

Performetric, desenvolveu um sistema de monitorização de fadiga mental, o objetivo principal é melhorar a qualidade de vida e o desempenho individual dos seus utilizadores. Em contexto empresarial, pretende melhorar a eficácia dos colaboradores.

WOrldCup.jpg

Fonte: Observador