fbpx

prémios

Uma Estrela de inovação em Lisboa

Renato Povoas - Managing Partner Startups 2016-07-20

A Junta de Freguesia da Estrela, em Lisboa, merece destaque no que toca a inovação, só nos últimos dois anos recebeu quatro distinções (nacionais e europeias) por apostar na inovação digital.

Esta Junta de Freguesia, com perto de 20.000 habitantes, já compete com empresas como a Vodafone e a Sonae, algo inédito em Portugal! Poderemos considerar a Estrela uma startup? Segundo o presidente Luís Newton, “no limite”, a junta é uma startup.

Tudo isto começou o ano passado, dois anos depois de a Junta ter sido criada, no âmbito da Reforma Administrativa de 2013, que veio reorganizar o mapa das freguesias. E foi assim que a Estrela inovadora nasceu, com o projeto de Luís Newton com dois principais objetivos: aproximar a Junta de Freguesia dos moradores e otimizar os serviços e a produtividade dos trabalhadores, escolhendo o digital como o meio para atingir os fins.

Saiba mais sobre esta Junta da Freguesia aqui.

Chic-by-choice, a melhor startup de moda na The Europas

Renato Povoas - Managing Partner Startups, Têxtil 2016-06-15

Na terça-feira, 14 de junho, decorreu a “The Europas Conference & Awards” onde a Chic-by-Choice, startup portuguesa, foi considerada a melhor startup de moda pela The Europas, na mesma categoria a Farfetch também estava nomeada, empresa esta que tinha já vencido este prémio em 2014.

Com cerca de dois anos no mercado, a Chic-by-Choice é uma plataforma que permite o aluguer de vestidos de luxo e conta com criações de dezenas de designers.

awardsbanner2.png

Fonte: negócios.pt

Cinco nomeações para melhores startups europeias!

Renato Povoas - Managing Partner Startups 2016-05-31

europas_logo1.jpg

Os “The Europas”, prémios que distinguem as melhores startups tecnológicas europeias, deste ano contam com a incubadora Beta-i, as startups Chic by Choice, Farfetch e Unbabel e o co-fundador da Seedrs, Carlos Silva, como representantes de Portugal.

A Beta-i está na short list para as melhores incubadoras, Chic by Choice está nomeada para a melhor startup na área do vestuário e ainda podemos encontrar nesta categoria a Farfetch, a única startup unicórnio português, a Unbabel está incluída nas nomeações para a categoria de startup com maior crescimento do ano, Carlos Silva encontra-se também nos nomeados portugueses para as melhores startups europeias, um dos fundadores da plataforma de equity crowdfunding Seedrs pode receber, em conjunto com Jeff Lynn, o prémio para melhores fundadores de startups.

A 16 de junho será a entrega dos prémios, após a conferência “The Europas”, as votações começaram esta segunda e vão estar abertas até quinta-feira, 2 de junho, nesta página.

Fonte: Dinheiro Vivo

Alguém tem ideias para o futuro da vida urbana?

Renato Povoas - Managing Partner Startups 2015-10-06

eia2016

Ericsson Innovation Awards levanta a questão “Como é que podemos transformar as nossas cidades através da tecnologia?” E este é o grande mote da edição de 2016 do concurso global de ideias inovadoras destinado a estudantes de todo o mundo.

Até 30 de Novembro pode inscrever-se, com hipótese de formar equipas de duas a quatro pessoas, a inovação tem que estar presente, aliás é um dos aspetos centrais do desafio. A 18 de Dezembro são anunciados os 10 semifinalistas que vão ter o apoio de dois especialistas Ericsson para poderem desenvolver um plano de negócios adequado e um produto viável, a custo reduzido.

A equipa com a melhor ideia receberá 25 mil euros, ao segundo lugar serão atribuídos 15 mil euros e a quem ficar com o terceiro e quarto lugar terá destinado mil euros.

“Assegurar que as nossas cidades são criativas, conectadas e sustentáveis é um grande desafio, mas também uma oportunidade de melhorar a vida de milhares de milhões de pessoas, a par da saúde e futuro do planeta”, argumenta a empresa. É por isso que a edição deste ano do Ericsson Innovation Awards centra-se na promoção das tecnologias de informação e comunicação (TIC) como ferramentas para melhorar a qualidade de vida nas cidades.

A edição 2015 do prémio teve como tema “O Futuro da Educação”. A equipa vencedora, da Alemanha, desenvolveu uma plataforma de auto-desenvolvimento que combinava conceitos como e-learning, aulas em vídeo de universidades reconhecidas, uma comunidade de talento e formação, certificações, mapa de objetivos, assim como um motor de pesquisa e emparelhamento de empregos.

Fonte: Revista Smart Cities