fbpx

cortiça

Tapetes de cortiça tecidos por tecelagem

Renato Povoas - Managing Partner Startups 2017-01-25

O grupo Amorim, líder mundial do sector da cortiça, continua a demonstrar resultados supreendentes que única incubadora do mundo que se dedica exclusivamente ao negócio da cortiça, a Amorim Cork Ventures (ACV), está a ter. Depois das chinelas Asportuguesas, que já estão a ser comercializados, vai agora ser lançada no mercado a primeira colecção de tapetes de cortiça tecidos por tecelagem.

Read More

Primeira bola de futebol em cortiça é portuguesa!

Renato Povoas - Managing Partner Desporto 2015-07-16

BolaDepois de, em 2010, ter criado a primeira bola de futebol em cortiça aglomerada, a Sedacor – Grupo JPS Cork  apresenta a sua mais recente inovação: uma bola feita de cortiça natural, que a empresa garante ser “fantástica”, quer para os que sabem, quer para os que não sabem, jogar futebol.
A bola foi desenvolvida com recurso “a uma nova tecnologia de agregação de lâminas de cortiça natural”, um material que se distingue pelo seu “toque único e suave” e pela “resistência e flexibilidade”, explica o Grupo JPS Cork no seu site oficial.
Estas duas características são, no entender da empresa, determinantes para “produtos de grande exigência física”, tornando a cortiça o material ideal para uma bola de futebol, “submetida a esforços como a abrasão”, os impactos violentos “e as condições atmosféricas adversas”.
A bola de cortiça natural do Grupo JPS Cork foi apresentada ao mundo no país do futebol, o Brasil, durante a Feira Tecnotêxtil, evento que decorreu na cidade de São Paulo.

Cortilejo, comunicação é inovação

Renato Povoas - Managing Partner Comunicação e Marketing 2015-06-11

Inspirados na cortiça e no azulejo, criaram um produto que é uma montra de inovação. A PME Rui Matias é uma das finalistas do Prémio Inovação NOS.
O Cortilejo surge com o objetivo de comunicar uma empresa, a Rui Matias.

A Rui Matias sempre fez magia mas tinha uma lacuna relativamente à sua comunicação, o Cortilejo surge, não primeiramente enquanto produto mas enquanto teste alicerçado numa estratégia de comunicação, ou seja, como base, tem uma tecnologia, é uma forma de trabalhar o MDF com a cortiça, já percecionada pela Rui Matias há sete anos.

Enquanto jóia de todo este trabalho, só “vem colocar no mundo”, esclarece Alexandre Amorim, gestor de inovação da empresa.

O Cortilejo resulta da fusão de dois dos maiores símbolos portugueses: a azulejaria tradicional portuguesa e a cortiça. Alexandre Amorim explica: “O resultado é uma peça fiel, quer nas dimensões do azulejo, quer nos padrões culturais.”

Sauna em Cortiça

Renato Povoas - Managing Partner Ambiente, Sustentabilidade 2013-01-29

A cortiça tem sido utilizada como um componente essencial no desenvolvimento dos mais diversos projetos industriais. Com criação em Portugal esta sauna de cortiça é renovável, não poluente, quimicamente inerte, inócuo para a saúde, resistente fricção, com baixa termo condutividade, luz, com um excelente comportamento acústico, alta impermeabilidade a líquidos e sem lançamentos de gases tóxicos.

Read More