Beta-i

Growth Hacking, conhece o método?

Renato Povoas - Managing Partner Startups 2016-07-12

Patrick Vlaskovits, líder da Super Powered e autor do livro “The Lean Entrepreneur”, e Casey Armstrong, especialista em marketing e fundador da FullStackMarketer.com, vieram a Portugal e deixaram alguns conselhos interessantes para quem gere um negócio: conheçam os vossos clientes e não usem métodos tradicionais para produtos inovadores.

Em junho, os dois especialistas estiveram em Portugal e deram uma aula de growth hacking na Beta-i  (associação para promoção do empreendedorismo). Este conceito foi criado em 2010 por Sean Ellis, Hiten Shah e pelo próprio Patrick Vlaskovits e é um método que se baseia em procurar e explorar novos meios e canais de venda de produtos de forma que os negócios cresçam.

Saiba mais aqui.

 

Cinco nomeações para melhores startups europeias!

Renato Povoas - Managing Partner Startups 2016-05-31

europas_logo1.jpg

Os “The Europas”, prémios que distinguem as melhores startups tecnológicas europeias, deste ano contam com a incubadora Beta-i, as startups Chic by Choice, Farfetch e Unbabel e o co-fundador da Seedrs, Carlos Silva, como representantes de Portugal.

A Beta-i está na short list para as melhores incubadoras, Chic by Choice está nomeada para a melhor startup na área do vestuário e ainda podemos encontrar nesta categoria a Farfetch, a única startup unicórnio português, a Unbabel está incluída nas nomeações para a categoria de startup com maior crescimento do ano, Carlos Silva encontra-se também nos nomeados portugueses para as melhores startups europeias, um dos fundadores da plataforma de equity crowdfunding Seedrs pode receber, em conjunto com Jeff Lynn, o prémio para melhores fundadores de startups.

A 16 de junho será a entrega dos prémios, após a conferência “The Europas”, as votações começaram esta segunda e vão estar abertas até quinta-feira, 2 de junho, nesta página.

Fonte: Dinheiro Vivo

Portugal é o terceiro país que mais acelera startups na Europa

Renato Povoas - Managing Partner Startups 2015-06-23

Em 2014, os programas de aceleração de empresas portugueses ajudaram a desenvolver 123 novos negócios. A liderar a tabela está o Reino Unido, com 599 startups aceleradas, e em segundo lugar está França, com 212. Os dados foram revelados no European Accelerator Report 2014, promovido pela Fundacity, uma plataforma online que liga startups a investidores de todo o mundo.BETA-I
A Beta-i (Associação para a Promoção do Empreendedorismo e Inovação), que desenvolve o programa de aceleração Lisbon Challenge, é a quarta aceleradora mais ativa da Europa, tendo ajudado a desenvolver 71 empresas em 2014.