fbpx

Recrutamento em startups: que características procurar nos candidatos?

Improve Empreendedorismo, Empresas, Startups 2021-01-21

Os colaboradores são essenciais para o sucesso de qualquer negócio, principalmente no que diz respeito a startups. Porém, o processo de recrutamento pode ser desafiante e, muitas vezes, demorado, uma vez que é necessário contratar pessoas de confiança e competentes para a função.

Mas na hora de recrutar novos membros para a sua equipa, além das competências técnicas, que características não devem ser postas de lado? Conheça-as neste artigo!

  • Autonomia e Liderança

Enquanto Fundador ou Manager numa startup é importante dotar os seus colaboradores de autonomia, permitindo que estes tomem determinadas decisões, de forma independente, em prol do negócio. 

Assim, de modo a avaliar a capacidade de autonomia e liderança dos possíveis colaboradores da sua startup, procure saber mais sobre as suas experiências profissionais ou voluntárias anteriores, nomeadamente no que respeita à tomada de decisões eficientes. 

  • Capacidade de Integração

Independentemente do tipo de personalidade do candidato, é importante que este tenha a capacidade de se integrar na cultura organizacional da startup, adaptando-se aos hábitos e rotinas de trabalho, bem como à restante equipa.

Sabia que definir a cultura organizacional da startup pode ser benéfico para a sua estratégia de recrutamento e integração de novos colaboradores? 

  • Comunicação Clara e Eficaz

A capacidade de comunicar eficazmente é fundamental para o desempenho de qualquer tarefa. E, com o regime de teletrabalho, é necessário assegurar uma comunicação mais clara e concisa. Desta forma, certifique-se que os seus candidatos são comunicadores natos, tanto por escrito como verbalmente. 

De modo a analisar esta competência, coloque, durante as entrevistas, algumas questões hipotéticas sobre a função a que se candidatam ou sobre potenciais problemas com que se poderão vir a deparar. Tente, assim, compreender a forma como os seus candidatos comunicam as suas ideias e experiências, bem como o seu processo de pensamento.

  • Paixão e Interesse Genuíno

Muitas vezes, os colaboradores de uma startup acabam por ter um horário de trabalho mais exigente. Por isso, na hora de recrutar um novo membro para a sua equipa, é importante perceber se os candidatos estão genuinamente interessados na função, assim como na missão da startup.

Sabia que colaboradores entusiasmados são sinónimo de motivação, produtividade e compromisso? Assim sendo, nas entrevistas que realizar, procure sempre avaliar e compreender as verdadeiras paixões e motivações dos seus candidatos.

  • Resiliência

Fazer parte de uma startup é uma experiência cheia de altos e baixos. Isto porque a maioria dos colaboradores teme ser dispensado ou despedido caso os planos de negócio sofram alterações ou caso a startup não tenha sucesso. 

De forma a reduzir a rotatividade da sua equipa, certifique-se então que a resiliência faz parte da personalidade dos seus candidatos. Assim, à semelhança da capacidade de autonomia e liderança, procure conhecer as suas experiências anteriores no que respeita, por exemplo, ao cumprimento de prazos sob pressão ou sob condições de stress.