fbpx

Como gerir as redes sociais de uma startup a partir do zero? Aqui ficam 6 dicas para o ajudar!

Improve Comunicação e Marketing, Startups 2020-03-12

Após a criação de uma startup existe um aspeto essencial que não deve ser descurado: a comunicação. Para além da comunicação interna e com os investidores, é extremamente importante que a startup marque presença das redes sociais. 

Desde a escolha dos canais corretos, aos conteúdos a publicar e até à análise do seu impacto, são muitos os aspetos em que pensar. Mas, para quem entrou agora no mundo do empreendedorismo, o que fazer? Para o ajudar nesse processo, aqui ficam seis dicas básicas que deverá seguir:

1 – Escolha bem os seus canais de comunicação

Existem dezenas de canais de comunicação, mas será que lhe interessa estar presente em todos? Provavelmente não. Por isso, considere apenas aqueles nos quais os seus clientes estarão. É uma startup B2B? Concentre-se no LinkedIn. Cria produtos personalizados e visualmente apelativos? Então prepare-se para investir tempo em canais como o Instagram.

2 – Estabeleça objetivos

Antes de avançar para a produção de conteúdos considere os seus objetivos. O que é que pretende: gerar notícias, atrair talentos ou dar a conhecer a sua startup? São os seus objetivos que guiarão a sua presença digital.

3 – Publique conteúdos regularmente e com interesse

É importante ter o hábito de publicar regularmente. Por isso, crie um calendário de conteúdos para mapear aquilo que deseja divulgar nas suas redes sociais. 

Contudo, também é importante que partilhe conteúdos relevantes para os seus seguidores. Desta forma, tenha em atenção o tipo de informações que quer divulgar e o impacto que esta pode ter no seu negócio.

4 – Aproveite os testemunhos positivos

Aproveitar ao máximo o feedback, que ajudará a sua startup a criar confiança e a aumentar o seu alcance e reconhecimento. Assim, considere o feedback positivo dos seus clientes e transforme-o em conteúdo. Por exemplo, pode criar um destaque no Instagram ou blogs a partir das experiências relatadas pelos clientes.

5 – Alimente as relações com os seus clientes

Uma das vantagens de estar presente nas redes sociais é a oportunidade de promover um diálogo com os seus clientes. Por isso, utilize estas plataformas para perceber aquilo que estes pensam sobre a sua startup, assim como o que desejam.

6 – Feedback negativo é importante

Sim, receber um feedback negativo nas redes sociais pode ser desafiante. Contudo, se for construtivo, é essencial para a melhoria dos seus serviços. Assim, em vez de tentar esconder estas críticas, reserve algum tempo para a sua resposta (que deverá ser madura e assertiva).