Sustentabilidade

Num país de marinheiros, startup aproveita o sol para navegar

Em Portugal não falta sol. Aliás, o nosso país é mesmo, na Europa, um daqueles onde o astro-rei mais brilha. O que significa que energia solar é coisa que não falta. E é aproveitá-la que pretende um dos vencedores da 3ª edição do Prémio NOS Inovação, o projeto Sun Concept Catamaran 12.0, da startup Sun Concept. O objetivo é simples: construir catamarãs eletrossolares que, através de painéis fotovoltaicos, funcionam exclusivamente com recurso à energia do sol.

Read More

Insetos que alimentam o mundo

Como vamos alimentar 9,7 mil milhões de pessoas em 2050?

Foi esta a pergunta que deu origem a uma nova startup nacional, cujo nome deixa antever a resposta – insetos.

A Portugal Bugs nasce de um projeto de Guilherme Pereira, aluno da licenciatura em Ciências de Engenharia – Perfil em Engenharia Alimentar da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto.

No final do curso e respondendo ao desafio de um professor, criou o projeto “Desenvolvimento de uma barra energética à base de proteína de inseto”.

Foi a partir dele que decidiu lançar-se na aventura de alimentar o mundo através de… insetos.

Read More

Cascais testa sistema inovador de prevenção de incêndios

Renato Povoas - Managing Partner Ambiente, Sustentabilidade, Telecomunicações e Tecnologia 2018-01-02

A cicatriz continua aberta, não só porque a investigação às causas dos incêndios que fizeram mais de cem mortos em Portugal este ano, consumindo milhares e milhares de hectares de área verde, ainda não foi concluída, mas também porque a recuperação é um processo que se avizinha longo. Para evitar outras cicatrizes e porque a prevenção tem que ser aqui a palavra de ordem, entra em cena o projeto Smart-Forest, uma ideia nacional, que já passou do papel para o terreno.

Read More

Em busca de um combustível mais amigo do ambiente

Renato Povoas - Managing Partner Sustentabilidade 2017-09-04

Nunca como agora se falou tanto sobre as alterações climáticas e os seus efeitos, que já se fazem sentir. E ainda que alguns continuem a negá-las, muitos mais há que se preocupam, com a ajuda da ciência, em criar formas de as manter sob controlo, de as mitigar ou até mesmo de as reverter. É o caso de uma equipa de investigadores da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto, que decidiu lançar mãos à obra e tentar criar uma nova forma de produção de combustível que, para além de ser economicamente mais viável, tem uma outra missão: ser mais amiga do ambiente. E isto tendo em conta que propõe uma redução nos níveis de enxofre, que torna os combustíveis menos poluentes e menos consumidores de energia.

Read More

Ideias inovadoras procuram-se!

Renato Povoas - Managing Partner Sustentabilidade 2015-09-08

O Instituto Europeu de Inovação e Tecnologia (EIT) está à procura das melhores ideias na área de energia sustentável, em Portugal e Espanha. Com um prémio de 18 mil euros, as candidaturas ao Prémio Ibéria da KIC InnoEnergy (a comunidade de conhecimento e inovação do EIT para a área da energia sustentável) estão abertas até 18 de Outubro.

Esta edição abrange, pela primeira vez, empreendedores e startups portuguesas, a iniciativa pretende promover a inovação e empreendedorismo no sector da energia e cleantech. Para além do prémio de 18 mil euros, o vencedor desta edição fará parte do programa de aceleração de startups KIC InnoEnergy Highway.

Nesta edição poder-se-á contar com projetos focados nas áreas de atuação da KIC, cuja tecnologia esteja apta a chegar ao mercado em menos de dois anos, e como será a primeira vez que portugueses podem experienciar esta iniciativa, Renato Braz, Business Creation Manager da KIC InnoEnergy em Portugal acredita que a participação nacional “irá ser consistente”. “A nossa experiência com os projectos que temos analisado e apoiado em Portugal mostra-nos pessoas muito bem formadas e atentas ao mundo, com uma excelente capacidade de analisar problemas e construir soluções globais

As candidaturas ao prémio podem ser feitas online. Depois disso, a Grande Final do prémio terá lugar no Smart City Expo World Congress, em Barcelona, a 18 de Novembro. Além do prémio de 18 mil euros para o vencedor, os restantes dois finalistas também terão direito a um valor monetário: cinco mil euros para a segunda melhor ideia e dois mil euros para a terceira.

header-home

Fonte: Edifícios e Energia

Marlo – Uma plataforma tecnológica de logística colaborativa

Renato Povoas - Managing Partner Sustentabilidade 2015-08-18

A Marlo, empresa luso-norueguesa de consultoria e desenvolvimento de tecnologia para logística e transportes, desenvolveu o serviço MixMoveMatch.com, uma plataforma tecnológica de logística colaborativa multi-carregador e multi-operador.

O MixMoveMatch é um serviço 100% português, desenvolvido no centro de competências e desenvolvimento da Marlo em Lisboa.

Atualmente, na Europa, “um em cada quatro camiões ou veículos de distribuição circulam vazios”. Além disso, “a taxa média de ocupação de camiões é de aproximadamente 52%, o que traduz um grande desperdício de recursos e dinheiro e um peso extra para a sociedade em termos ambientais”, refere a empresa.

Este serviço surge na sequência de um desafio lançado à Marlo pela 3M Europa e DHL para o desenvolvimento de uma solução baseada num modelo Software as a Service, ou seja, uma plataforma apoiada na cloud e na plataforma Azure da Microsoft.

Neste sentido, o MixMoveMatch “vem colmatar a falta de articulação entre os vários intervenientes na cadeia logística para otimizar a taxa de ocupação dos veículos para cerca de 90% da sua capacidade total, através da gestão inteligente do transporte, de acordo com a receção das mercadorias e respetivo tratamento, mediante a sua proveniência, tipo e destino final”.

Segundo a empresa, “ao invés de os fornecedores enviarem para os centros logísticos os camiões com carga de um único cliente (…), estes poderão ser encaminhados para os centros logísticos mais próximos ou convenientes, onde ocorre a desconsolidação, ordenamento (mix) e reenvio da carga, que reúne determinadas características para o centro logístico seguinte (move)”.

O centro logístico seguinte “irá fazer novamente uma desconsolidação e posterior consolidação da carga que vai chegando, proveniente de diversas localizações, onde, com recurso ao MixMoveMatch, irá dar-se o processo de planeamento e reordenamento da mercadoria, mediante um conjunto de condições definidas pela hub (match)”. Por fim, a mercadoria segue para o cliente final ou para um novo centro logístico.

Sauna em Cortiça

Renato Povoas - Managing Partner Ambiente, Sustentabilidade 2013-01-29

A cortiça tem sido utilizada como um componente essencial no desenvolvimento dos mais diversos projetos industriais. Com criação em Portugal esta sauna de cortiça é renovável, não poluente, quimicamente inerte, inócuo para a saúde, resistente fricção, com baixa termo condutividade, luz, com um excelente comportamento acústico, alta impermeabilidade a líquidos e sem lançamentos de gases tóxicos.

Read More

Torneira inovadora

Renato Povoas - Managing Partner Educação e Ensino, Sustentabilidade 2012-06-05

 

Fonte: Oje

Uma torneira totalmente automática, que visa melhorar “a eficiência e a qualidade do processo de lavagem de mãos”, criada por um grupo de alunos da ATEC de Matosinhos venceu a edição nacional do programa “A Empresa” da Junior Achievement – Young Enterprise. Como prémio, os jovens da ATEC Matosinhos, agrupados no projeto ICTUS, vão representar Portugal na finalíssima da competição europeia da Junior Achievement em Bucareste, Roménia entre 19 e 22 de julho.

Read More